Academia Vianense de Letras

Patrona da cadeira de nº 34 da Academia Vianense de Letras, nasceu em Viana, no dia 17 de junho de 1930. Filha de José de Oliveira Gomes e Rakima da Silva Azevedo Gomes, desde menina se destacava pela capacidade de se posicionar sobre diversos assuntos e pela eloquência com que se exprimia. Foi a terceira filha do casal, numa família numerosa de irmãos e irmãs: Walber, Valter, Nair, Mariana, Belarmino (Belo), Antônio (Puxa), Francisco (Chico) e Getúlio.

Realizou os estudos primários em Viana, na Escola Agrupada São Sebastião, dirigida pela Professora Zeíla Cunha Lauletta, e o curso de Normalista na cidade de São Luís, retornando a Viana após a conclusão deste. Casada com o senhor João Damasceno Costa, tiveram os seguintes filhos: Fernando, Lisiane e Damasceno Júnior (falecido). O casamento foi realizado por Pe. Eider Furtado da Silva, no dia 31 de maio de 1962.

Destacou-se por ser uma pessoa com espírito de liderança e altivez, que compreendia a importância da mulher na sociedade e lutava para que ela fosse ouvida, respeitada e ocupasse lugares de destaque, principalmente na vida política. Realizou diversos cursos de capacitação e aperfeiçoamento, sempre buscando seu auto crescimento, para poder repartir o aprendizado com a sua terra natal. Realizou os cursos de Didática Geral, Orientação Educacional, Psicologia da Adolescência e Filosofia da Educação promovidos pela Campanha de Aperfeiçoamento e Difusão de Ensino Secundário do Ministério da Educação e Cultura, todos realizados em São Luís.

Após ter concluído os estudos em 1954, na Escola Normal do Instituto de Educação de São Luís, lecionou em Viana no Grupo Escolar Dom José Delgado, pertencente à Diocese de Viana; no Ginásio Professor Antônio Lopes, da Campanha Nacional de Escolas da Comunidade – CNEC; na Escola Normal Colegial “Nossa Senhora da Conceição”, na época, da Igreja Católica de Viana; no Ginásio Bandeirantes “Dom Hamleto de Angelis”; e por mais de dez anos foi diretora do Colégio São Sebastião.

Como gestora, foi eleita para ocupar o cargo de Diretora do Ginásio Professor Antônio Lopes, na década de 70, e exerceu a função de Diretora da Escola Normal Colegial “Nossa Senhora da Conceição”, ambos em Viana.

Na carreira política, foi membro efetivo do MDB – Movimento Democrático Brasileiro, tendo sido eleita vereadora para a legislatura de 1973 a 1976, defendendo a educação, a mulher e a juventude. Também exerceu, com destaque, o papel de Secretária Executiva do Gabinete do Prefeito Walber Duailibe, criando um espaço organizacional de fluxo de processos e de agendamento das pautas do Município.

Prematuramente foi acometida por um problema de saúde, que a fez se afastar da vida pública e de todos, vindo a falecer em São Luís, no dia 7 março de 2005. Seu corpo foi sepultado em Viana, como era do seu desejo.