Academia Vianense de Letras

Filho do casal de vianenses Cipriano de Carvalho e Maria da Graça Nogueira de Carvalho, José Henrique nasceu em São Luís, no dia 12 de novembro de 1938. Pelos fortes laços familiares com Viana, onde moravam seus avós, tios e primos, o menino muito cedo se acostumou a ter a cidade como uma de suas maiores referências, pois era aqui que normalmente passava as férias escolares.

Desde o curso primário, feito na Escola Modelo Benedito Leite, seu pai costumava trazê-lo de São Luís para passar as férias de final de ano. Algumas vezes hospedava-se na casa de Seu Gegê, que era casado com sua tia (do lado materno), Etelvina Nogueira Piedade. Em outras ocasiões, ficava no sobrado do tio, Ozimo de Carvalho. Para o menino, essas temporadas periódicas em Viana - regadas a jogos de bola com os primos e colegas no Areal ou na Praça da Matriz, às pescarias ou passeios pelo campo constituíam-se em puro prazer e diversão.

Durante o ginásio e o segundo grau no Liceu Maranhense (1952 a 1958), José Henrique continuou prestigiando a cidade. Agora, já rapaz, além dos passeios e jogos de bola, havia o interesse pelas festas e bailes carnavalescos. Passageiro frequente das lanchas “Vera Cruz” e “Francinete”, de propriedade do Zé Couto, gostava também da aventura e da animação da viagem embarcada. Fora a beleza natural das paisagens do percurso, havia ainda o espetáculo impressionante da pororoca para admirar. José Henrique chegou a vir, inclusive, em lancha de recreio para passar especialmente a famosa festa de N. S. de Nazaré que, na época, atraía verdadeiras multidões de São Luís.

Em 1959, foi aprovado no concurso para taquígrafo da Câmara Municipal de São Luís, iniciando assim a vida profissional. Três anos depois, através de novo concurso, ingressou no Banco do Brasil, onde faria carreira, ocupando diversas funções e morando em cidades como Rio de Janeiro e Brasília, até se aposentar em 1992.

Casado com Albenir Cantanhede Fernandes e pai de três filhos (Regina Célia, Henrique e Sumaia), José Henrique Nogueira de Carvalho reside em São Luís, com a família, para onde retornou, em 1983, quando ainda se encontrava em plena atividade no Banco do Brasil.

Atualmente, além das viagens constantes para visitar familiares residentes em Brasília ou no Rio de Janeiro, dedica-se ao prazeroso entretenimento de pesquisar e escrever sobre suas raízes, É autor das obras Causos de Família (1998), Histórias Vianenses da Arca do Velho (2003) e Zé Gato, o humorista vianense (2009). Em parceria com o irmão, Leonel Carvalho, escreveu ainda Cinco Gerações de Raimundo João Nogueira e Cinco Gerações de Leonel Alves de Carvalho, lançados em 2003.

Por Luiz Alexandre Raposo