Academia Vianense de Letras

Neste seu terceiro trabalho, o autor quis dar continuidade ao mesmo tema do “Contos do Jaleco Branco”, reunindo novas narrativas inspiradas no dia a dia de médicos, enfermeiros e outros profissionais da área da saúde. São registros em que ficção e realidade se juntam para levar ao leitor uma imagem, tão fiel quanto possível, da faina de pessoas dedicadas a aliviar o sofrimento alheio. Médico por formação profissional, Aldir Penha Costa Ferreira, que ocupa a Cadeira de nº 26 da AVL, é aposentado e dedica-se atualmente a escrever as memórias de seu tempo de atuação nos principais hospitais de São Luís.