Academia Vianense de Letras

Com o objetivo de resguardar e empenhar-se pela promoção da cultura, notadamente da literatura, do município de Viana e da Baixada Maranhense, a Academia Vianense de Letras foi fundada numa noite de sábado, dia 4 de maio de 2002.  A iniciativa concretizava, assim, uma antiga aspiração de vários intelectuais filhos da terra.

A cerimônia de instalação e posse dos 16 membros fundadores realizou-se na sede do Grêmio Cultural Recreativo Vianense e contou com as presenças do prefeito municipal, Messias Costa, do Gerente Regional de Viana, Daniel Gomes, do bispo da Diocese de Viana, Dom Xavier Gilles, do Secretário Municipal da Educação, Carlos Augusto Cidreira, e do vereador José Santos.

Coordenada pelo escritor e empresário Carlos Gaspar, a reunião que contou ainda com a presença expressiva da juventude local, na maioria estudantes do Centro de Ensino Professor Antonio Lopes, iniciou-se com a apresentação dos acadêmicos presentes, suas cadeiras e respectivos patronos.

O juiz de Direito, Lourival Serejo, escolhido para presidir a nova agremiação cultural, falou em nome de todos os membros fundadores ali reunidos, quando destacou a importância daquele momento para a história de um município detentor de tantas tradições culturais como Viana.

 Após a exposição do estatuto da Academia (que adotaria a sigla AVL) e da leitura da ata de fundação pelo 1° secretário, Luiz Alexandre Raposo, a cerimônia foi encerrada, dando-se como oficialmente empossados todos os 16 membros fundadores, abaixo relacionados:

Cadeira nº1

Titular: Carlos Tadeu Pinheiro Gaspar

Patrono: Antônio Lopes

Cadeira nº 2

Titular: Padre Eider Furtado da Silva

Patrono: Edith Nair Furtado da Silva

Cadeira nº 3

Titular: Heitor Piedade Júnior

Patrono: Astolfo Serra

Cadeira nº 4

Titular: João Mendonça Cordeiro

Patrono: Sálvio Mendonça

Cadeira nº 5

Titular: Joaquim de Oliveira Gomes

Patrono: Padre Manoel Arouche

Cadeira nº 7

Titular: José Pereira Gomes

Patrono: Frei Antônio Bernardo da Encarnação e Silva

Cadeira nº 8

Titular: Kalil Mohana

Patrono: Padre João Mohana

Cadeira nº 9

Titular: Luiz Alexandre Brenha Raposo

Patrono: Dilú Mello

Cadeira nº 10

Titular: Lourival de Jesus Serejo Sousa

Patrono: Estêvão Carvalho

Cadeira nº 11

Titular: Maria da Conceição Brenha Raposo

Patrono: Raimundo Lopes

Cadeira nº 12

Titular: Maria de Fátima Rodrigues Travassos Cordeiro

Patrono: Celso Magalhães

Cadeira nº 13

Titular: Nozor Lauro Lopes de Sousa Filho

Patrono: Nilton Aquino

Cadeira nº 15

Titular: Rosa Maria Pinheiro Gomes

Patrono: Anica Ramos

Cadeira nº 16

Titular: Rogério Castro Gomes

Patrono: Miguel Dias

Cadeira nº 17

Titular: Raimundo José Nunes Mendonça

Patrono: Onofre Fernandes

Cadeira nº 18

Titular: Júlio Araújo Aires

Patrono: Manuel Lopes da Cunha 

O escritor Carlos Gaspar presidiu a reunião de instalação da AVL 

Lourival Serejo falando em nome de todos os acadêmicos

O 1° secretario da AVL, Luiz Alexandre Raposo, lendo a ata de fundação

Os acadêmicos Nozor Sousa, Júlio Aires e Rosa Maria Pinheiro Gomes

Kalil Mohana, Nozor Sousa e Júlio Aires

Padre Eider Silva, João Mendonça Cordeiro, José Pereira Gomes e Kalil Mohana

Conceição Raposo, Lourival Serejo, Luiz Alexandre Raposo, Joaquim Gomes e Padre Eider

Rogéryo du Maranhão, Fátima Travassos e Conceição Raposo

Os 14 dos 16 membros fundadores presentes no ato de fundação da AVL